Colaboração e inovação

Uma grande colaboração leva a novas ideias. Como as organizações podem promover os tipos de colaboração que geram mais inovação no local de trabalho? Descubra neste blog.

COLABORAçãO EM EQUIPE | 5 MINUTOS DE LEITURA
Collaboration and innovation

Exemplos de inovação colaborativa estão por toda parte, como cientistas trabalhando juntos no desenvolvimento de vacinas contra COVID-19, engenheiros combinando suas especialidades para lançar novos modos de transporte mais eficientes ou equipes de efeitos especiais juntando suas habilidades criativas para oferecer experiências de filmes de tirar o fôlego.

Enquanto a colaboração no local de trabalho comprovadamente aumenta o sucesso, a não colaboração pode ter o efeito oposto. Você já ouviu falar do empresário que resolveu todos os problemas da empresa dele sonhando com uma solução inovadora após a outra? Não? Nós também não. Mas todos nós já ouvimos histórias sobre líderes que se recusaram a ouvir as ideias de alguém, fazendo sua empresa despencar (e seus níveis de estresse irem para as alturas).

Felizmente, cada vez mais pessoas em cargos de liderança estão percebendo que a colaboração e o sucesso estão intrinsecamente ligados. Segundo a Fierce, 86% dos líderes citam a falta de colaboração como o principal motivo de falhas no local de trabalho. Então, parece que a maioria de nós concorda que o trabalho em equipe e o compartilhamento de ideias é fundamental. Mas o que nessa forma de trabalho gera resultados positivos? E como podemos colaborar de uma maneira que estimule a inovação? Vamos analisar melhor...

Vamos conversar sobre o futuro do trabalho

Queremos fornecer respostas a algumas das perguntas mais cruciais sobre o trabalho no metaverso. Clique abaixo e confira.

Por que a colaboração gera inovação

Por que a colaboração gera inovação

Não importa o quanto uma ideia é boa: ela sempre pode ser expandida e melhorada. Quando Paul McCartney escreveu a música Getting Better para o LP Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band dos Beatles, em 1967, ele provavelmente achou que aquele era o produto acabado. No entanto, John Lennon não pensava assim. Enquanto ele gravava a voz de apoio, espontaneamente seguiu a afirmação de McCartney de que “It's getting better all the time” (tudo fica melhor o tempo todo) com a sarcástica resposta “It can't get no worse” (não pode ficar pior). Ao fazer isso, ele levou a música para um novo nível, transformando um jingle animado em algo muito mais interessante.

Anos mais tarde, McCartney elogiou a contribuição do companheiro de banda para a música Getting Better. Na biografia de Barry Miles, Many Years From Now, a estrela dos Beatles contou: “Eu estava lá cantando ‘Getting better all the time’ e John disse do seu jeito lacônico: ‘It couldn’t get no worse’. Eu pensei: brilhante! É exatamente por isso que adoro escrever com John…”

Isso ilustra perfeitamente o poder da colaboração. A união de diferentes personalidades, experiências de vida e conjuntos de habilidades nos permite ver as coisas a partir de uma variedade de perspectivas, levando a um produto final mais redondo.

A noção de que a colaboração entre vários atores é a força motriz por trás do desenvolvimento positivo é o que Jacob Torfing explora no seu livro Collaborative Innovation in the Public Sector. O professor da Roskilde University argumenta que os avanços tecnológicos ou científicos não seriam possíveis sem ela.

“O desenvolvimento de novas tecnologias e a circulação de novos conhecimentos científicos não podem, por si sós, gerar quaisquer inovações”, escreve ele. “Sua capacidade de desencadear inovação depende das ações intencionais dos atores sociais e políticos que percebem inovações tecnológicas e científicas específicas como uma alavanca para a resolução de problemas específicos ou para a realização de mudanças desejadas, e que interagem com outros atores dentro e fora da organização para projetar, testar e implementar soluções novas e inovadoras.”

Os benefícios da inovação colaborativa

Os benefícios da inovação colaborativa

Ser capaz de abordar um projeto ou problema a partir de uma gama de perspectivas diferentes é apenas uma das vantagens da colaboração entre vários atores. A criação de uma cultura de inovação e colaboração no compartilhamento de ideias, preocupações e responsabilidades pode gerar inovação de várias outras formas:

Progresso mais rápido

Se você fosse dar uma festa e quisesse garantir que haveria comida para todos os convidados, seria mais rápido fazer todos os sanduíches por conta própria ou pedir que cada convidado levasse um prato de comida? Da mesma forma, compartilhar a carga entre vários membros de uma equipe deve acelerar o progresso.

É claro que isso também depende dos processos estabelecidos para garantir a eficiência. Mas esses processos podem ser simples, como definir prazos para o envio ou a aprovação de ideias ou criar pastas compartilháveis para que vários membros da equipe colaborem em um projeto.

Oportunidade de reflexão

Quantas vezes você já dormiu com o que achava ser uma grande ideia na cabeça, acordou no dia seguinte e percebeu que ela estava completamente errada? Por isso que é importante haver um tempo e um espaço para reflexão. Discutir uma ideia com outras pessoas durante um período de dias, semanas ou até meses permite que ela se desenvolva naturalmente, sem pressa. Isso também lhe dá a oportunidade de acompanhar a relevância da ideia em um mercado em rápida evolução.

No entanto, a reflexão não é apenas benéfica para a ideia: ela também pode ajudar os membros da equipe a aprender com os métodos e processos de pensamento uns dos outros, o que fornece valor à organização como um todo.

Promoção da inclusão

O sucesso de qualquer empresa depende do engajamento dos seus trabalhadores. Uma das melhores formas de garantir a satisfação no trabalho é dar voz aos funcionários. Permitir que os colegas se comuniquem e incentivar os funcionários a expressar suas ideias e preocupações fará com que se sintam valorizados. Além disso, gerará um senso de democracia e transparência, reforçando a noção de que “estamos todos juntos nisso”.

Em uma pesquisa realizada pela Fierce, 99,1% dos entrevistados disseram que preferem um local de trabalho em que as pessoas se identifiquem e discutam os problemas de forma verdadeira e efetiva. Em outro estudo da Gusto, 54% dos funcionários disseram que um forte senso de comunidade (incluindo bons relacionamentos com os colegas de trabalho e uma missão em comum) fez com que se mantivessem por mais tempo em uma empresa do que era do interesse deles.

Para estimular a inovação e evitar os perigos do groupthink, é fundamental que as dinâmicas de equipe sejam diversificadas e inclusivas, oferecendo várias perspectivas sobre um projeto.

Controle de qualidade

Por mais brilhante que um membro da equipe seja no que faz, ele continua sendo um humano. Caso fique horas concentrado na mesma coisa por horas, pode facilmente perder de vista o panorama geral, permitindo que erros surjam.

Ao estimular a colaboração, você pode permitir que os membros da equipe aproveitem a especialidade e a experiência uns dos outros, garantindo uma alta qualidade consistente.

Como promover a colaboração e a inovação no local de trabalho

Como promover a colaboração e a inovação no local de trabalho

A noção de colegas de trabalho colaborando com alegria para uma meta comum soa ótima em princípio. Mas como se chega exatamente a esse ponto? Uma das primeiras coisas que você precisa considerar e a qual deve se adaptar é a personalidade das pessoas envolvidas.

Um estudo de 2020 publicado no International Journal of Research in Management & Business Studies identificou três traços de personalidade chave que impulsionaram o comportamento inovador entre estudantes de negócios:

  • extroversão

  • consciência

  • abertura à experiência

No entanto, a menos que o departamento de RH procure especificamente essas características ao recrutar, nem todos em determinado local de trabalho as terão.

O desafio, então, é conseguir que as pessoas colaborem e inovem quando não é necessariamente da natureza delas fazer isso. Diferentes métodos funcionam melhor para diferentes pessoas. Entre as possíveis ações estão conectar o pessoal com mentores que superaram inibições semelhantes no passado, promover uma política de portas abertas em que os trabalhadores possam abordar os gerentes a qualquer momento e organizar sessões de brainstorming em que as pessoas possam refletir sobre os pensamentos e ideias umas das outras.

Embora a espontaneidade deva ser incentivada, Jacob Torfing recomenda que se tenha em mente alguns princípios básicos: “Idealmente, as ideias devem ser grandes, ousadas e transformadoras e, ao mesmo tempo, viáveis, seguras e amplamente aceitas entre os principais interessados”.

É claro que os avanços na tecnologia transformaram (e continuam transformando) a forma como trabalhamos. Já não é necessário estarmos na mesma sala, prédio, cidade ou país para nos comunicarmos com colegas, parceiros e associados do setor.

Uma pesquisa da Gartner de 2021 mostra que quase 80% dos trabalhadores usam ferramentas de colaboração para o trabalho. Isso dá a eles a capacidade de compartilhar ideias e conceitos instantaneamente que ultrapassam fronteiras, fusos horários e até idiomas diferentes. Além de acelerar os processos e aumentar a eficiência, isso dá às empresas um alcance muito mais amplo e global, que pode aumentar seu poder de colaboração.

“À medida que muitas organizações mudarem para um modelo de mão de obra híbrida em longo prazo, as tecnologias de produtividade baseadas na nuvem, pessoais e de equipe, juntamente com ferramentas de colaboração, formarão o núcleo de uma série de novos centros de trabalho que atendam aos requisitos de trabalhadores remotos e híbridos”, diz Christopher Trueman, analista de pesquisa principal da Gartner.

E isso é apenas o começo: o metaverso promete uma colaboração de realidade mista para equipes remotas, em que no futuro as melhores pessoas criativas poderão "se teletransportar" para reuniões além das fronteiras. Ferramentas como quadros brancos virtuais e múltiplas telas terão o poder de criar espaços mágicos compartilhados com o potencial de turbinar o processo criativo/de concepção. Com a tecnologia continuando a avançar, a inovação nunca foi tão alcançável e, claramente, o potencial é enorme.

Continue lendo

Relacionado

Colaboração em equipe: como ficar craque no trabalho em equipe

Saiba mais
Was this article helpful?
Thanks for your feedback

Relacionado

Colaboração em equipe: como ficar craque no trabalho em equipe

Saiba mais

Publicações recentes

Colaboração entre equipes | 10 minutos de leitura

Como desenvolver a colaboração em equipe.

Uma abordagem colaborativa pode ajudar os seus funcionários a trabalharem de maneira mais inteligente, criativa e eficaz. Veja como obter a colaboração entre equipes da maneira certa.

Colaboração entre equipes | 3 minutos de leitura

Colaboração multidisciplinar

Descubra dicas essenciais para melhorar a colaboração multidisciplinar, incluindo os benefícios de vários pontos de vista e como melhorar o trabalho em equipe no seu local de trabalho.

Colaboração em equipe | 8 minutos de leitura

Como fazer a colaboração entre equipes funcionar de maneira eficaz

Saiba como incentivar a colaboração entre equipes, além de conhecer as boas práticas e armadilhas que aparecem ao fazer isso