Tradicionalmente, um bom líder é aquele que consegue inspirar sua equipe, incentivar a colaboração, aumentar a produtividade e impor respeito. Mas o que essas qualidades muitas vezes não conseguem alcançar é a conexão humana. Em um mundo onde o trabalho híbrido e remoto mesclou as fronteiras entre a vida profissional e a pessoal, tornou-se mais importante do que nunca que os líderes e gerentes de equipes adotem uma abordagem humana à liderança, priorizando seus funcionários.

Mas o que exatamente é uma liderança centrada no fator humano e o que isso pode significar para você e sua empresa?

O que é uma liderança centrada no fator humano?

O que é uma liderança centrada no fator humano?

Para simplificar, a liderança centrada no fator humano é a liderança que prioriza as pessoas. Mas como isso acontece na prática? Estar centrado no fator humano significa valorizar as pessoas pelas qualidades individuais e respeitar as suas circunstâncias. No trabalho, significa enxergar os funcionários como pessoas, não cargos. Ouvir suas necessidades e oferecer apoio quando necessário.

Como ser um líder centrado no fator humano? Uma pesquisa da Gartner de 2022 identificou três principais qualidades da liderança centrada no fator humano:

Autenticidade: agir com um propósito genuíno e permitir uma verdadeira expressão de si mesmo

Empatia: demonstrar preocupação genuína com o bem-estar dos funcionários

Flexibilidade: ter disposição para a adaptar as estruturas de trabalho para atender às necessidades únicas dos funcionários

Uma abordagem de liderança centrada no fator humano é uma grande mudança em relação à liderança tradicional, às vezes conhecida como liderança centrada em tarefas. Isso tem tudo a ver com desempenho, rentabilidade, prazos e resultados. Mas as empresas podem se surpreender com a eficácia de uma abordagem mais humana para impulsionar a produtividade e o sucesso geral da empresa.

Aprenda a liderar uma empresa conectada

Baixe o nosso ebook para descobrir por que uma nova geração de CEOs valoriza propósito, confiança, autenticidade e honestidade acima de tudo.

Quais são os benefícios de uma liderança centrada no fator humano?

Quais são os benefícios de uma liderança centrada no fator humano?

Nos últimos anos, as prioridades dos funcionários mudaram drasticamente. Após a pandemia, uma pesquisa da PEW mostrou que 79% das pessoas deixariam seus empregos por outro que melhor atenda o próprio bem-estar pessoal.

Os funcionários deixariam seus empregos por outro que:

1. Melhor atenda o próprio bem-estar (79%)

2. Ofereça mais controle sobre o horário de trabalho (72%)

3. Ofereça mais apoio ao crescimento e desenvolvimento profissional (69%)

4. Permita que realizem mais trabalhos significativos (68%)

5. Ofereça mais controle sobre o local onde trabalham (66%)

Bem-estar é a prioridade para os funcionários, acima de itens como benefícios e salário. Isso sugere que líderes que podem fazer com que os membros de sua equipe se sintam apoiados têm muito mais probabilidade de inspirar uma força de trabalho feliz e engajada, mesmo diante do estresse no local de trabalho ou de outras dificuldades relacionadas.

Confira alguns dos benefícios que a liderança centrada no fator humano pode trazer:

Mais engajamento

Os funcionários que sentem que suas opiniões e contribuições são valorizadas têm muito mais chances de se engajar com os objetivos da empresa, criando a uma força de trabalho mais coesa.

Confiança ao levantar questões

Os funcionários que se sentem confiantes ao abordar líderes e gerentes são muito mais propensos a estarem abertos sobre problemas em suas funções. Isso significa que você pode detectar problemas em potencial com antecedência e eliminá-los pela raiz.

Mais motivação

De acordo com um estudo da University of Warwick, funcionários felizes são 12% mais produtivos no trabalho. Com funcionários trabalhando sob uma liderança humana, com maior probabilidade de se sentirem felizes e motivados, os empregadores podem se beneficiar de uma força de trabalho mais produtiva no geral.

Criatividade e inovação

Uma liderança centrada em pessoas permite que os funcionários pensem de maneira mais criativa, apresentando as próprias ideias. Ao incentivar a criatividade e a inovação no local de trabalho, as empresas podem melhorar a forma como trabalham e ganhar vantagens no mercado.

Menor rotatividade da equipe

Funcionários que se sentem felizes e apoiados no trabalho têm muito menos probabilidade de mudar de emprego, mesmo que a nova função ofereça um salário mais alto ou melhores benefícios. Portanto, uma liderança humana que oferece aos funcionários o nível certo de apoio pode gerar maior retenção e menor rotatividade de pessoal.

Cultura positiva no local de trabalho

Um dos principais aspectos da liderança centrada no fator humano é incentivar a autenticidade no local de trabalho. Ao permitir que os funcionários sejam honestos sobre suas metas e motivações pessoais, você pode incentivar um local de trabalho mais colaborativo, com uma cultura positiva no local de trabalho.

Liderança centrada no fator humano vs. liderança centrada em tarefas

Liderança centrada no fator humano vs. liderança centrada em tarefas

A liderança centrada no fator humano e a liderança centrada em tarefas são muitas vezes vistas como elementos opostos do espectro da liderança. Mas ambas têm seu papel a desempenhar na gestão bem-sucedida de uma empresa.

Vamos analisar os prós e contras de cada estilo de liderança, para ver como eles podem direcionar diferentes níveis da sua hierarquia de liderança:

Liderança centrada no fator humano: prós e contras
Prós

O maior valor dos líderes centrados no fator humano é a capacidade de incentivar os funcionários e fazê-los se sentirem valorizados como indivíduos e pelo trabalho que realizam. Ao se concentrar na construção de relacionamentos com os funcionários, os líderes centrados no fator humano inspiram confiança na força de trabalho e criam uma cultura de trabalho positiva e solidária.

Contras

Alguns funcionários podem não reagir tão bem a um estilo focado nas pessoas quanto outros e podem até se sentir sobrecarregados com a expectativa de serem tão abertos e colaborativos. Portanto, líderes e gerentes devem estar cientes de que alguns trabalhadores querem e precisam de mais direcionamento. Outra desvantagem potencial é que os líderes que estão muito focados em fornecer validação aos funcionários correm o risco de tomar decisões ineficazes com base apenas nos relacionamentos que têm com eles.

Quando uma liderança centrada no fator humano se torna mais eficiente?

Quando uma liderança centrada no fator humano se torna mais eficiente?

Uma liderança centrada no fator humano é mais eficaz ao construir ambientes de trabalho positivos, onde os funcionários se sentem confiantes e felizes em expressar desejos e necessidades individuais, além de sentirem um forte senso de conexão com as metas de negócios. Isso é particularmente importante para líderes de pequenas e médias empresas, que desejam criar uma conexão pessoal com a liderança. Os líderes que adotam um estilo centrado nas pessoas podem conquistar uma força de trabalho leal e motivada, disposta a se adaptar e defender a empresa no longo prazo.

Liderança centrada em tarefas: prós e contras
Prós

Líderes centrados em tarefas são altamente eficientes no cumprimento das metas de negócios. Eles são proficientes em definir estratégias claras e fáceis de seguir com prazos específicos para que os funcionários sempre entendam o que se espera deles. A liderança centrada em tarefas incentiva as pessoas a atingir padrões elevados. Isso é perfeito para funcionários que têm dificuldades em administrar o tempo ou que precisam de estrutura para se sentirem motivados.

Contras

Uma das desvantagens da liderança centrada em tarefas é que ela pode resultar na falta de autonomia e criatividade dos funcionários. Isso pode fazer com que os funcionários se sintam cansados e frustrados em funções que não oferecem oportunidades de aprendizado e crescimento. Trabalhar com prazos rígidos também pode gerar estresse e baixo moral, especialmente se os funcionários não se sentirem à vontade para abordar os gerentes e líderes quando estiverem se sentindo sobrecarregados.

Quando uma liderança centrada em tarefas se torna mais eficiente?

Um certo grau de liderança centrada em tarefas é essencial para o sucesso da empresa. Mas, sem dúvida, ela é mais útil para as equipes gerenciais do que para a equipe de liderança. Isso se aplica ainda mais a empresas maiores, nas quais as equipes precisam ser gerenciadas para que todas trabalhem de maneira coesa em busca de um objetivo comum, mesmo que não tenham contato direto umas com as outras.

Quais sãos as características dos líderes centrados no fator humano?

Quais sãos as características dos líderes centrados no fator humano?

Agora você entende a importância da liderança centrada no fator humano. No entanto, como identificar um líder com essas características ou saber se você é um deles? Confira uma lista das características que todos os líderes centrados no fator humano compartilham:

Mentalidade de crescimento

Uma das maiores qualidades dos líderes centrados no fator humano é a vontade de aprender e crescer com suas equipes. O mundo do trabalho está em constante mudança, portanto, estar aberto para experimentar novos processos e pensar fora da caixa é uma qualidade que ajuda os líderes a ir além e alcançar o sucesso mais rapidamente.

Foco no futuro

Líderes brilhantes não se concentram apenas no aqui e agora, eles estão constantemente olhando para o futuro. Líderes centrados no fator humano são ótimos em transmitir suas visões para a empresa e convidar os funcionários a participar das metas de negócios, fazendo com que se sintam parte integrante da jornada da empresa.

Inteligência emocional

Líderes com grande inteligência emocional são capazes não apenas de lidar com eficácia com as próprias emoções nos períodos estressantes, mas também de entender e influenciar as emoções das pessoas ao redor.

A inteligência emocional ajuda os líderes centrados no fator humano a construir relacionamentos fortes com as equipes, a entender onde estão os pontos fortes e fracos dos indivíduos e a identificar as melhores maneiras de inspirar e motivar a equipe.

Abertura a feedbacks

Ser um bom comunicador é vital para todos os tipos de líderes. Mas os líderes centrados no fator humano são particularmente eficientes na comunicação, estando dispostos não apenas a fornecer feedback de qualidade, mas também a aceitá-lo. Incentivar o feedback honesto dos funcionários permite que eles saibam que as opiniões são valorizadas e também permite que você identifique problemas e os corrija com antecedência.

Autenticidade

Atualmente, não existe mais a ideia de ser uma pessoa diferente no trabalho e em casa. Com o trabalho híbrido e remoto aproximando mais do que nunca a vida profissional e a pessoal, é importante que os funcionários se sintam à vontade para serem autênticos.

Empatia

Os líderes centrados no fator humano são empáticos quando se trata das necessidades e circunstâncias individuais de seus funcionários e estão dispostos a se adaptar de acordo com isso. Isso significa que os funcionários têm muito menos probabilidade de sofrer com burnout ao tentar conciliar a vida pessoal com a profissional. Eles também se sentirão capazes de abordar o líder para falar sobre cargas de trabalho ou questões pessoais.

Você também pode se interessar por:

Tópicos relacionados

Saiba como os líderes globais de RH criam a cultura da empresa

Baixar agora

Vamos manter contato?

Receba as últimas novidades e insights da linha de frente do trabalho.

Ao enviar este formulário, você concorda em receber comunicações eletrônicas do Facebook relacionadas a marketing, incluindo notícias, eventos, atualizações e emails promocionais. Você poderá revogar a sua permissão e cancelar a assinatura desses emails a qualquer momento. Você também reconhece que leu e concorda com os Termos de Privacidade do Workplace.

Was this article helpful?
Thanks for your feedback

Tópicos relacionados

Saiba como os líderes globais de RH criam a cultura da empresa

Baixar agora

Publicações recentes

Cultura | 11 minutos de leitura

Cultura do local de trabalho: como criar uma cultura positiva e impulsionar a produtividade

A cultura do local de trabalho é ainda mais importante em um mundo de trabalho híbrido e remoto. Descubra o significado da cultura do local de trabalho e como aprimorá-la.

Liderança | 4 minutos de leitura

Dez lições que líderes podem aprender com a vida

Experiências autênticas da vida real definem quem as pessoas são e podem determinar a forma como elas lideram. Veja dez exemplos.

Cultura | 8 minutos de leitura

Os quatro tipos de cultura da organização: qual é o melhor para os negócios?

Sua identidade comercial é uma combinação única de culturas da organização. Veja como identificá-las e tirar proveito dos seus pontos fortes.